A Europa é vanguarda em termos de normas de emisão de CO, NOx, derivados de enxofre e particulado resultante da queima de combustíveis em motores a combustão interna e agora se junta a Japão e Estados Unidos na regulamentação da emissão de CO2, para Camininhões.

Representantes dos países da União Européia revelam que a Comissão Europeia trabalha em detalhar uma norma que regula também a emissão de CO2, a partir de 2025.

Esta regulamentação já é existente para carros e vans e agora é trazida para veículos comerciais. 

Fabricantes europeus, especialmente os alemães suportam a regulamentação. 

Fonte: Reuters / Clean Technica

Nossa análise: Além de estarem prontos tecnologicamente, a adoção de normas mais restritas de emissões serve de barreira tecnológica contra best-cost-countries e fazem parte da estratégia de combate ao veículo elétrico cujos componentes chaves como baterias são amplamente dominados pelos chineses.

E o Brasil? R: Se queremos ser um polo exportador, temos que estar na vanguarda da tecnologia. A adoção das mesmas normas nos garante escala de produção e competitividade para exportar.