A assessoria de imprensa da ADEFA - Associação de Fabricantes de Automotores na Argentina publicou em 19 de Janeiro o fechamento de produção, exportações e registros de veículos.

Equanto o resultado de 2017 sobre 2016 apresenta-se estável quanto a produção e com leve aumento de 10% de exportações, há grande otimismo para 2018, com uma previsão de aumento de 20% para a produção e 43% para as exportações - principalmente para o Brasil - enquanto o mercado interno argentino deve fechar 2018 com um aumento de apenas 5% nos registros de veículos novos.

Análise Engenho - PSR

O otimismo do setor automobilístico do Brasil leva o Mercado Argentino a projetar aumentos significativos de produção e exportações. A PSR acredita no aumento de produções e exportações e que não devemos ter grandes surpresas com a publicação do novo programa Inovar Auto. Por outro lado, as alteraçõe no mix de produtos produzidos e exportados pela Argentina não permitem uma projeção linear no desdobramento para planejamento de componentes.

Fonte: ADEFA

*Produção e Exportação inclui apenas automóveis e comerciais leves / Vendas inclui Automóveis, Comerciais Leves e Caminhões médios e pesados.